Poço semiartesiano, para atender aldeia em Amambai, é solicitado por Lia Nogueira

Lia Nogueira pontuou ainda que a implantação de um poço semiartesiano deve melhorar a qualidade de vida

Poço semiartesiano, para atender aldeia em Amambai, é solicitado por Lia Nogueira

Ao receber inúmeras reclamações sobre a qualidade da √°gua na aldeia Amambai, a deputada estadual Lia Nogueira (PSDB) solicitou ao Ministério dos Povos Indigenas, ao Ministéro da Agricultura e Pecu√°ria, à Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) e ao Governo de Mato Grosso do Sul a destinação de recursos para a implantação de um poço semiartesiano na aldeia, localizada no município de Amambai.

Conforme a deputada, a população indígena tem enfrentado, regularmente, problemas relacionados com a falta de √°gua. "Essa situação tem sido frequente e, até o momento, não conseguiram normalizar o abastecimento e distribuição de √°gua na aldeia. A falta de √°gua na escola ou para atender aos agricultores, por exemplo, tem afetado a rotina da comunidade", disse.

Lia Nogueira pontuou ainda que a implantação de um poço semiartesiano deve melhorar a qualidade de vida da população local por oferecer e ajudar na manutenção das condições de higiene e saúde.

"A população indígena reclama que, muitas vezes, a √°gua que eles t√™m para consumo ou higiene é insalubre, contaminada, causando problemas de saúde na comunidade", observou a parlamentar, que destacou também que o pedido de implantação de um poço semiartesiano na aldeia foi apresentado pelos vereadores de Amambai Janete Córdoba (PSDB), Jayson de Souza Moraes (PT), o Tato Souza, Rosa Linda (PSDB), Jota Roberto (União), Anilson Prego (PSDB) e Joanir Martins (PT).